Muitas mamães ficam em dúvida e também cansadas com a quantidade que o bebê acorda ao decorrer da madrugada para mamar. É importante entender a amamentação e o processo de maturidade do sono do bebê.

Ter a esperança que um bebê já chegue ao mundo com a competência de dormir uma noite inteira e não praticar as mamadas noturnas é um equívoco.

O padrão habitual é de que ele se alimente sim determinadas vezes durante a madrugada no seio materno. Essas mamadas noturnas são essenciais para o crescimento e desenvolvimento do seu bebê.

Ao longo do tempo isso vai se ajustando, porém é impossível quantificar e qualificar as mamadas como “normal” ou “admissível”, pois cada bebê possui suas particularidades e necessidades.

Além das necessidades fisiológicas, os bebês necessitam de aconchego e disponibilidade, que também varia de criança para criança, e se modifica ao longo do crescimento e desenvolvimento.

Acima de tudo os bebês precisam ser acolhidos, também nas madrugadas, sem conflitos, sempre que houver sinais de que necessita de cuidados.

Contudo, para maturidade do sono e capacidade do bebê entender, verifique também antes da oferta do peito, se o choro ou “resmunguinho” é a fralda molhada, temperatura ambiente, necessidade do aconchego…

Nestes casos, fique próxima, cuide, acalente o bebê e também amamente em livre demanda, você estará suprindo as necessidades nutricionais e também emocionais do seu bebê!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.